More Website Templates @ TemplateMonster.com - August22nd 2011!

Treinamento Funcional e Reabilitação de atletas

O treinamento funcional já não é mais uma novidade, passou de febre à realidade, trata-se de um método que consegue reverter às atividades de vida diária em exercícios benéficos à saúde, fortalecendo, alongando, gerando melhora na propriocepção, equilíbrio, balance, resistência muscular e aeróbica, e isso tudo sendo trabalhado de forma global sem dividir o treino em partes. Ao contrário do que nos traz a musculação onde trabalhamos com movimentos mecânicos em eixos pré-definidos e de maneira isolada.  E é também por este motivo que o treinamento funcional estourou nos dias de hoje. 
O conceito usado nesse método está relacionado à fisioterapia, já que o objetivo da fisioterapia sempre foi reabilitar o individuo levando-o para a funcionalidade com o máximo de independência possível, trabalhando de forma inteligente, ou seja, trabalhar o corpo em seus movimentos naturais de forma fisiológica, em todos os planos de movimento, reintegrando-o as suas atividades de maneira capacitada a executar os movimentos do seu dia a dia em todas as suas praticas, seja ela, trabalho, esporte, lazer, entre outras. 
Nos dias atuais podemos usar o treinamento funcional, como uma atividade física, para melhorar a estética corporal e também na prevenção de doenças e incapacidades. Além disso, podemos utilizar deste recurso e os milhares de exercícios que ele nos trás para a reabilitação em todas as suas especialidades.  

Como por exemplo, no caso de um atleta onde usaríamos de recursos fisioterapêuticos  para acelerar na regeneração da lesão específica e agregar exercícios do então, treinamento funcional que reeduquem os tecidos lesionados e todas as outras estruturas, mantendo assim o nível do atleta. Além disso, na fase final da reabilitação conseguimos priorizar os movimentos que o mesmo utiliza em sua pratica esportiva, acarretando em uma aprendizagem motora adequada do gesto esportivo, resultando em uma alta melhora no desempenho em competições, diminuição de lesões e concomitantemente reduzindo o de tempo de afastamento ao esporte.